caderno

Usa-me para guardar os seus segredos mais superficiais e também os mais profundos. 
Juro que não vou contar pra ninguém.
Usa-me para o amor, a saudade, o carinho e a solidão.
Usa-me para a realidade e para um mundo inventado, não me importo qual seja os seus delirios.
Usa-me para histórias, poemas, versos, contos e canções.
Usa-me, conte-me seus sonhos, seus planos, seus medo e seus desejos.
Faça-me papel de carta, bilhete ou apenas rabiscos.
conte-me a verdade e me revele a mentira.
Em mim cabe tudo de você, cabe a cor, a música, o cheiro, a flor.
Seja como for me aproveite, frente e verso.
Preciso ser usado.
Preciso sentir.
Seja como for me aproveite, seja como for serei o seu caderno e você meu escritor.


 Dedico esse post a alguém muito especial.

Que a sua força seja o meu encorajamento para mais um passo,
o passo que releva o que há dentro de você.
Então compre um caderno.
 

12 comentários:

Franck disse...

Lendo seu texto, vejo a coincidência com meus pensamentos, desde ontem que quero comprar um caderno: meus poemas, textos e tudo mais que escrevi está dentro de uma pasta e quero organizá-lo... O seu post veio reforçar isso!
Uma quinta de muita paz!

Daniella Ockner disse...

E há quem pense que um caderno pode ser "só" um caderno. Muito bom, senti uma sensação muito boa ao ler esse texto *-*

Lucas Poeta disse...

Gostei demais do ritmo, da 'troca'. Concordo com a Daniella Ockner.

Beijo, moça!

Paula Marina disse...

eu uso o caderno, o guardanapo e o papel de pão...
bjus

Nine Frescorato disse...

Gostei daqui, seguindo!

so sad disse...

um dia criei um blog , ele ainda existe, lá contava, escrevia tudo que me doia, que sentia, é um verdadeiro caminho do auto conhecimento.
beijo!

TeenTação disse...

oi flor..
vim contar uma novidade
está tendo um concurso cultural da Marca Embelleze lá no meu blog...
vai lá, lê o post e particpa, aí vc vai concorrer a um final de semana em um resort maravilhooso junto comigo...vai lá flor..te espero no resort..ahahah
Bjimah, lindo post...adorei o estiloooO, vou correndo comprar um caderno para mim tbm...

Lily disse...

Belíssimo texto!

O caderno! Aquele caderno... Um lugar que te espera sempre, triste ou não. Leve ou breve. Brava ou brisa.

Faça bom uso, ou mau, ele é teu.

Beijos!

P.S.: já escrevi nos meus cartões de visita e em cheque em branco. Um absurdo!

Ariana disse...

Um caderno é meu melhor amigo, nele escrevo tudo que sinto,desabafo!

Lindo texto"!


Beijos

Thiara Ribeiro disse...

Por isso gosto tanto de cadernos! ^^

Nunca vejo vc no msn! =/
Entro sempre a noite, depois de 10:30!
E vc?

;***

Wolber Campos disse...

Olá Thais! Tudo bem?

Que coisa boa um caderno. Salvem eles! Infelizmente, cada vez menos em uso por causa dos computadores.

Quanto não vale mais receber uma cartinha de quem se ama, com sua caligrafia, do que um e-mail?

Façamos mais uso dele! ;)

Grande abraço!

Fabiane Aline disse...

Olá, tudo bem? Desculpa a demora para responder o comentário... andei afastada por uns dias.
Adorei o seu texto. Adoro o seu blog. Beijos e obrigada pela visita.

Sigam - me os bons